Passando na Zona Gelada

Сomentários

Transcrição

Passando na Zona Gelada
HEAD COACH BRASIL – FUTEBOL AMERICANO INTELIGENTE
30 de maio de 2016
“Passando na Zona Gelada”
Tim Murphy
O assunto geral que eu vou abordar nesse artigo é como tirar o máximo do nosso jogo aéreo em
temperaturas extremas. E nesse aspecto especifico, irei focar em nossa filosofia de jogo aéreo dentro da linha de
10 jardas, a zona mais “fria” do campo.
Embora personnel e clima contribuam para uma filosofia defensiva ou ofensiva, a filosofia precisa ter
raízes profundas o suficiente de modo que o talento e os elementos não irão ditar uma mudança em algo como o
qual você não se sinta confortável.
Times de grama sintética têm um pouco de dificuldade de se acostumar com a grama natural e com
mudanças do que o contrário.
Nós enfatizamos treinar em todos os tipos de terreno/condição atmosférica (chuva, neve, lama) de modo
que nossos jogadores se sintam confortáveis e confiantes como a mudança de condições de jogo. Esse tipo de
aclimatação ajuda a desenvolver um grau maior de dureza mental. Embora isso não seja uma abordagem nova,
nosso clima nos dá diversas oportunidades de treinar com o “tempo ruim”.
Nós sentimos que nós precisamos ter quatro tipos de passes em nosso plano de jogo para ter sucesso
dentro da linha de 10 jardas:
•
Passe de Play-Action
•
Screen Pass
•
Passe de Dropback
•
Passe em Sprint-out
Uma vez que esses passes são todos elementos comuns de nosso ataque normal, nós não precisamos nos
desviar de nosso filosofia principal nessa área do campo. Nós usamos motion e movimentação em um grau maior
dentro da linha de 10 jardas para criar indecisão e vantagens na cobertura individual.
Mais conteúdo de qualidade em www.headcoachbrasil.com
1
HEAD COACH BRASIL – FUTEBOL AMERICANO INTELIGENTE
30 de maio de 2016
PASSE DE PLAY-ACTION
A primeira jogada que iremos discutir é um passe de play-action usando o modelo de uma ação de Sprintdraw, que é uma jogada bem comum para nós próximo da linha de 10. Nós chamamos essa jogada de Zip Pro
Right Tight Lee Throwback (ver figura 1).
Essa jogada é desenhada contra um front de 3-4 com uma Cover 3 atrás dele. Nós começamos com o
motion “Zip” do nosso Z, que faz seu release por cima do LB do playside (S). O Y bloqueia “de leve” o primeiro DL
próximo a ele e abre na direção da flat. O outro Y (do backside) faz o release por cima do LB do backside (B)
mirando a quina do campo.
Baseado no play-action, os dois Ys devem facilmente “escalar” os linebackers, passando por trás deles e
tentando esticar o CB do lado forte. O Z irá ficar a correr sua rota contra cobertura individual e sentar contra
zona. O fake do play-action e a ação cruzada dos recebedores colocam a defesa numa cilada em termos de
reconhecimento da jogada. Essa é uma excelente jogada de 1st and goal da linha de 7 jardas.
Mais conteúdo de qualidade em www.headcoachbrasil.com
2
HEAD COACH BRASIL – FUTEBOL AMERICANO INTELIGENTE
30 de maio de 2016
SCREEN PASS
A categoria 2 é o Screen Pass Option. Esse screen em particular é uma grande jogada de corrida, mas pelo
fato de que nós iremos consistentemente lançar a bola nessa área do campo, as defesas precisam honrar a ação e
isso tem sido um sucesso para nós. (ver figura 2)
Tin Pro Right Up Swing Screen Left é um screen pass para o FB que funciona bem contra Cover 3 e que é
ótima contra qualquer cobertura do lado fraco com um dos defensores desse lado entrando em blitz. Nós iremos
fazer um motion para dentro com nosso A-back para colocá-lo na melhor posição possível para bloquear o inside
LB. O X irá correr uma rota fade ou até mesmo bloquear o CB, caso ele identifique a ação.
O tackle do lado da jogada irá cortar o jogador de 5-technique em uma distancia de 5 jardas, eliminando
este defensor da perseguição. O guard do playside irá mostrar passe por 1 segundo e depois abrir para kickar
(bloquear para longe da jogada) o primeiro defensor que encontrar. O center irá afunilar o NT e liderar o fullback
formada naturalmente pelos bloqueios anteriores (tackle e guard). Esse screen nos dá uma corrida de finesse de
muitas formações numa área do campo onde pode ser difícil correr com a bola.
Mais conteúdo de qualidade em www.headcoachbrasil.com
3
HEAD COACH BRASIL – FUTEBOL AMERICANO INTELIGENTE
30 de maio de 2016
PASSE DE DROPBACK
Da nossa categoria de dropback, nós iremos mostrar uma de nossas rotas básicas de Trips que nós
gostamos de usar nessa área do campo, onde o alongamento vertical não está disponível. Z Twins Right Up Flood
241 Choice é uma rota de cinco passadas onde o QB irá tentar encontrar uma abertura lendo o SS e o ILB do lado
forte (ver figura 3)
O X irá correr uma rota choice empurrando os DBs para o upfield para “limpar” a área da rota hook,
cruzando o campo se individual, sentando para dentro ou para fora se zona.
O Z irá correr uma rota curl de 13 jardas, procurando por uma área aberta. O A-back irá correr uma rota
flat em 5 jardas, buscando a bola imediatamente após a quebra se individual. O Y irá bloquear o OLB e fazer uma
rota curl saindo de sua posição. O QB olhará para A, depois para o Z e então para X contra Cover 3. Contra
individual, olhará para o A e depois para o X.
PASSE EM SPRINT-OUT
Nossa última categoria é a sprint/roll. Nós iremos utilizar motions extensivos e movimentação para nos
colocar na posição mais vantajosa possível.
Mais conteúdo de qualidade em www.headcoachbrasil.com
4
HEAD COACH BRASIL – FUTEBOL AMERICANO INTELIGENTE
30 de maio de 2016
Explode Over Trips Right Spring Right 221 utiliza uma formação desbalanceada para a direita disfarçada
por motion e movimentação. Nosso objetivo é ter nosso H-back descoberto na flat do playside. O X irá começar
por dentro para criar congestionamento e indecisão nas zonas e então irá quebrar bruscamente para o canto da
endzone para esticar o defensor do playside.
O Z irá correr uma rota choice na zona hook do playside virando para dentro ou para fora. O H-back irá
fazer o motion cruzando a formação para uma posição que lhe dê um release limpo na direção da flat. O QB irá ler
o H, depois o Z e por ultimo o X, esperando que o H esteja aberto contra marcação individual e o X esteja aberto
contra zona.
Mais conteúdo de qualidade em www.headcoachbrasil.com
5

Documentos relacionados

Fazendo ajustes em padrões de passe

Fazendo ajustes em padrões de passe individual. Há uma larga área vazia porque a maior parte dessa cobertura é para o lado fraco da formação, e essa rota, se corrida corretamente, pode ser ótima para ganhar 20 jardas de vantagem cont...

Leia mais

Jogadas pão-com-manteiga

Jogadas pão-com-manteiga buraco, eles irão para longe da direção da slant do defensor. Se o DL faz o slant pra dentro, é obvio que o linebacker está vindo pelo lado de fora. Nosso OT vai apensar bloquear o DT pra onde ele ...

Leia mais

Neutralizando blitzes

Neutralizando blitzes A chave para um jogo aéreo de sucesso é proteger o passador. Nós enfatizamos essa fase do nosso esquema ofensivo com distribuição de tempo nos treinos e com delegações de funções da nossa comissão ...

Leia mais

Jogadas explosivas da I-formation

Jogadas explosivas da I-formation Lado oposto de onde a jogada foi desenhada para acontecer.

Leia mais