Wallström quer Eurofóruns para uma esfera pública comum!

Сomentários

Transcrição

Wallström quer Eurofóruns para uma esfera pública comum!
From:
Subject:
To:
Release:
Association for Community Colleges (ACC)
Readers letter
The Independent, Irish Times, Le Monde, Liberation, Eesti Päevaleht, Postimees, Le Nouvel Observateur, Il Sole 24
ore, Il Corriere della Sera, La Stampa, Luxemburger Wort, El Pais, La Vanguardia, Frankfurter Algemeine Zeitung, Die
Zeit, Süddeutsche Zeitung, Der Kurier, Der Standard, Standart, Dnevnik, 24 Chasa, Lietuvos Aidas, Lietuvos zinios,
Gazeta Wyborcza, The Slovak Spectator, Respekt, Vreme, Fljaka, Evenimentul Zilei, Jurnalul National,
Rzeczpospolita, Polityka, The Daily Telegraph, The Economist, Ziarul Financiar, NRC Handelsblad, Volkskrant, Vrij
Nederland, Naftemporiki, Europa Press, El Mundo, Berliner Zeitung, Ta Nea, Eleftherotipia, Diena, Latvijas Avize,
Delo, Lidove Noviny, Politis, La Repubblica Padania, Tyzden, Hospodarske Hoviny, Il Gazzettino, Suomen Kuvalehti,
Suomen Tietotoimisto Oy, Dagens Nyheter, Svenska Dagbladet, Aftonbladet, The Times, The Guardian, Hurriyet
Gazetesi, Milliyet Gazetesi, Cumhuriyet, Kauno Diena, Jyllandsposten, De Standaard, De Morgen, Kristeligt Dagblad,
Information, Público, Frankfurter Rundschau, Die Welt, Jornal Expresso, Diário de Notícias, Magyar Nemzet, Magyar
Irlap, EUobserver, etc. etc.
November 30th 2005
Wallström quer Eurofóruns para uma esfera pública comum!
A vice-presidente da Comissão Europeia, Margot Wallström, demonstra estar ainda mais
determinada no seu apelo à criação de fóruns que possibilitem o contacto entre os cidadãos
europeus e a sua ligação às instituições democráticas europeias.
Os cidadãos da União Europeia devem dispor não só dos meios para comunicar, mas também do
direito a que a sua voz seja ouvida, afirma Wallström. Acrescenta que a construção de pontes no
fosso entre a Europa e os seus cidadãos implica a necessidade de criar fóruns de encontro para
debate cívico. Mais importante: isso é democracia ao nível europeu!
Aplaudimos o pressuposto manifestado por Mrs Wallström segundo o qual a Comissão Europeia
pode e deve apoiar a criação de universidades públicas europeias (no jornal sueco “Svenska
Dagbladet”, a 4 de Junho, para mencionar apenas uma ocasião). Estas instituições têm sido
referidas como European Community Colleges, People’s Academies, European Folk High Schools
e/ou Eurofóruns.
Isto significa que estamos perante “campos de teste” para esferas públicas europeias em
pequena escala, onde grupos mistos de europeus constroem comunidades de aprendizagem,
provavelmente com uma estrutura de cariz informal e necessariamente enquadrada no formato
de escola residencial.
Consideramos esplêndida a ideia de estabelecer fóruns de contacto e debate entre europeus
sobre questões de interesse comum – atravessando fronteiras, sectores, classes sociais e outras
linhas de divisão entre europeus. Cremos veementemente que no coração de “construção de
pontes no fosso” entre os europeus e as suas instituições políticas tem de estar o contacto entre
os próprios cidadãos europeus.
Fizemos a experiência durante anos e sabemos que funciona. É por isso que queremos apelar ao
apoio de Portugal. Há uma necessidade urgente de incentivar tanto os portugueses como o seu
governo para que suportem esta ideia!
Temos destacado também que, até à data, apenas as cartas e discursos de Mrs Wasström têm
mencionado a ideia de fóruns de encontro entre europeus, enquanto os documentos oficiais da
União Europeia estão mais preocupados com uma comunicação que parte da Comissão Europeia
para os cidadãos (circulando de cima para baixo na hierarquia). Queremos manifestar o nosso
apoio à visão de Mrs Wallström sobre a comunicação e o diálogo entre os cidadãos enquanto précondição essencial para a construção dessas pontes e para a concretização de uma verdadeira
democracia europeia.
Association for Community Colleges (ACC)
John Petersen, Århus, Conchi Gallego (Madrid), Jan-Christoph Napierski (Brussels), Mjellma Mehmeti (Skopje), Emma
Yeoman (Cambridge), Elisabeth Alber (Meran), Dasa Bolcina (Trieste), Erik Jentges (Berlin), Lucie Cizkova (Prague),
Helena Soares e Silvia Pereira (Portugal).
Impressum:
Presskit:
Contact:
www.acc.eu.org
www.acc.eu.org
John Petersen, chairman, 0045 2425 3068
ACC International Programme Office
Falstersgade 44, st.
DK-8000 Århus C
Ph.: + 45 7363 0043 / +45 2425 3068
Fax : + 45 7363 0023
[email protected]
www.acc.eu.org