ANGOLANDO N.1 - Fevereiro 2012

Сomentários

Transcrição

ANGOLANDO N.1 - Fevereiro 2012
ANGOLANDO
Foto de Hernani Chaves
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
Apresentação da Newsletter do Embaixador de Itália,
Giuseppe Mistretta
A newsletter “Angolando” que nasce com esta edição, é um novo instrumento de comunicação periódica
(bimestral) entre a Embaixada da Itália em Luanda e os operadores italianos interessados por Angola.
Contém, de forma concisa e directa, uma série de notícias “flash” que dizem respeito ao mundo de
negócios e da cooperação entre Angola e Itália, e é
“um testemunho da vitalidade” das relações
entre os dois países.
A Embaixada da Itália em Angola já difunde em benefício das empresas e dos operadores italianos (mas
também estrangeiros), diariamente uma resenha de imprensa sobre as notícias de Angola a partir dos
principais jornais e agências nacionais; a mesma oferece todos os dias uma panorâmica sobre os eventos
políticos, económicos, culturais e sociais do país, em crescimento explosivo.
A newsletter “Angolando” é um serviço a mais em benefício dos usuários; neste caso a atenção é
concentrada em eventos ou realizações que façam referência exclusiva às relações bilaterais entre
Angola e a Itália em particular no sector económico.
Não se tratará
apenas de notícias “oficiais”, mas, também de curiosidades, acontecimentos
especiais, episódios ou histórias particulares, comuns pela característica de enriquecer as profundas
relações entre os dois Estados e povos.
Espero que a leitura da “Angolando” se torne um hábito agradável para os membros da nossa
comunidade e operadores italianos.
Para nós, é um grande esforço de comunicação e projecção externa, sem qualquer custo, mas que se
baseia no engajamento e abnegação do pessoal desta Representação, que de forma bimensal
transformar-se-á num pequeno Comité de Redacção.
A todos, boa leitura.
Giuseppe Mistretta
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
Acreditado o
novo
Embaixador de Angola na
Itália, S.E. Florencio
de Almeida
No passado dia 28 de Novembro o Embaixador Florêncio de Almeida
apresentou
as
Cartas credenciais às
mãos do
Presidente Georgio
Napolitano. Na ocasião, o diplomata expressou o seu grande interesse pela
Itália
ea
total
disponibilidade para
trabalhar
para
um
maior
aprofundamento das históricas relações de amizade entre os dois países, com particular destaque
para a necessidade de incrementar
e diversificar a já ampla cooperação económica e comercial
bilateral. Entre as Autoridades italianas visitadas pelo Embaixador de Almeida, incluem-se o Presidente
da Câmara Gianfranco Fini, que recebeu o novo Embaixador na Câmara dos Deputados aos 23 de
Janeiro deste ano.
Sempre
mais
próximas
as
instituições italianas
e
angolanas.
Missões do Tribunal Constitucional de Angola e do INADEC na Itália
Duas iniciativas de relevo realizadas nos últimos meses testemunham o intenso crescimento das
relações entre a Itália e Angola, também a nível institucional.
Realizou-se no passado dia 28 de Outubro, a visita de estudos a Roma de uma delegação do Tribunal
Constitucional angolano. A mesma consistiu em encontros com os nossos Tribunais Constitucional e de
Cassação, a Faculdade de Direito da Universidade La Sapienza, bem como o Conselho Nacional Forense.
A iniciativa nasceu da vontade do Tribunal Constitucional angolano de estudar o
funcionamento do
sistema judiciário de outros países com cultura jurídica avançada (até agora, apenas a Itália respondeu
positivamente).
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
1
Sempre em Roma, no período de 11 a 15 de Dezembro, teve lugar uma missão do INADEC, o Instituto
Angolano da Defesa do Consumidor. Durante a visita, organizada por esta Embaixada, a Directora do
INADEC
e o resto da delegação reuniram-se com os responsáveis da CODACONS
e foram
estabelecidos contactos frutuosos com o Comité para as normas alimentares da FAO.
Na sequência dos óptimos resultados da iniciativa, está prevista brevemente uma missão à Luanda de
peritos italianos em matéria de tutela do consumidor e do ambiente, para instaurar uma relação mais
profunda e contínua com a contraparte angolana, que declarou apreciar particularmente toda a
contribuição italiana em termos de formação profissional.
A empresa
italiana
de móveis
Chateau d'Ax abre
a primeira
loja
em Angola
Foi inaugurada no passado dia 12 Dezembro de
2011 em Luanda, no
Bairro
presença
Embaixador
do
da
Vila Alice, e
da
na
Itália,
Giuseppe Mistretta (Foto) uma nova loja de móveis
italianos
da
marca
Chateau
d'Ax. Esta
iniciativa comercial desenvolvida por um grupo de
empresários portugueses,
representa mais
um
sucesso importante para a disseminação do "Made in Italy" em Angola, num campo de excelência da
produção italiana; o do mobiliario e do design. A iniciativa nasce num mercado em crescente evolução,
tanto a nível do consumo privado, como da indústria hoteleira e do turismo. Com este novo espaço, a
empresa Chateau d'Ax alcançou 140 lojas no exterior, incluindo duas em África (Angola, e África do
Sul).
Reforço da parceria entre a ENI e a SONANGOL
A visita a Luanda no passado mês de Novembro do Adminstrador Delegado da
Eni, Paolo Scaroni, que também foi recebido pelo Presidente Dos Santos,
determinou um novo avanço nas relações entre a Eni e a Sonangol. Foi
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
2
assinado um Memorandum para a construção conjunta de uma nova refinaria no Lobito, 400 km a sul
de Luanda. O investimento total poderá ultrapassar 5 bilhões de dólares e incluirá períodos
de formação na Itália para o pessoal de Angola, não só no sector do petróleo mas também no do gás (no
consórcio Angola LNG para o gás líquido, a
Eni detém uma participação de 13,5%). No que diz
respeito ao gás, também estão a ser avaliadas iniciativas conjuntas entre a Eni e a Sonangol para a
exploração de jazigos em Moçambique.
O enfoque de Angola nas estratégias da ENI e em geral na política energética da Itália também é
confirmado pelo aumento das importações para o nosso país, de petróleo angolano, que atingiram em
2011, um nível record superior a 1 bilhão de Euros.
O Embaixador da Itália visita o navio de perfuração SAIPEM 12000
O Embaixador Giuseppe Mistretta visitou no
passado mês de Outubro, a convite da
Saipem, o navio de perfuração SAIPEM
12000, que opera no off-shore angolano 60
milhas a noroeste de Luanda. O Embaixador,
acompanhado por funcionários da Embaixada
e representantes da empresa Saipem pode
apreciar as tecnologias de vanguarda que
caracterizam
excelência
este
italiana
meio,
expressão
também
no
da
campo
científico.
De imponentes dimensões (228 metros de
comprimento e 42 de largura) o navio é utilizado para a exploração e o desenvolvimento de jazigos
petroliferos em águas ultra profundas, até uma profundidade de 12000 pés (cerca de 4000 metros).
Assinado Acordo entre a Assafrica e a Associação Industrial de
Angola
Foi assinado no dia 10 de Janeiro de 2012, em Roma, um Acordo entre a Associação Industrial de
Angola - AIA e a Assafrica & MEDITERRÂNEO - Confindustria, para desenvolvolver uma forte
colaboração comercial e industrial entre Angola e Itália.
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
3
Fornecer às empresas angolanas bens e serviços italianos on demand, em unção das necessidades reais
do mercado angolano e satisfazer a demanda interna de um dos países mais importantes da África
Subsaariana: este é o sentido do Acordo, na base do qual a AIA indicará directamente as necessidades
das suas empresas associadas à Assafrica & Mediterraneo, que se torna assím no ponto de entrada
italiano do sector privado, para fazer negócios com Angola.
Forte relevo tem sido dado às relações bancos – empresas: a AIA indicará os bancos angolanos
interessados na abertura de linhas de crédito “open” com bancos italianos, para financiar a compra de
bens e serviços italianos, com cobertura SACE, se solicitado, tipicamente na forma de cartas de
crédito que também podem ser pagamentos a prazo.
Liderança italiana no sector do granito preto
No último trimestre de 2011, as empresas do sector
de
mineiro
angolanas
da
província da
Huíla
extrairam mais de 7.500 metros cúbicos de granito
preto, cujos destinatários foram em primeiro lugar a
Itália, seguida pela Espanha, Índia e China. Grande
parte dos equipamentos existentes para a extração e
corte são de fabricação italiana; entretanto existe
uma ampla margem para o crescimento do "Made in
Italy" no sector, até agora, travado
sobretudo pela distância geográfica e elevadíssimos custos
operativos neste país.
Cresce o engajamento da ONG CUAMM para com a saúde em Angola
Grande destaque foi atribuído pelo Ministério da Saúde
angolano (MINSA) à Conferência organizada no passado
mês de Dezembro pela ONG italiana CUAMM no Uíge,
sobre
o
tema
da
fístula
obstétrica, doença
grave, particularmente difundida, que ocorre em casos
de complicações no parto e resolvível apenas através de
uma complexa cirurgia. Actualmente, o único cirurgião
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
4
que realiza essas operações no país, é um médico italiano (ex CUAMM), que trabalha no Hospital de
Damba , Dr. Paolo Parimbelli. A recente iniciativa insere-se no mais amplo quadro das actividades da
organização italiana dedicadas à tutela da saúde materno-infantil.
Este sector, esteve no centro de um Congresso de alto nível realizado em Pádova (sede da ONG) no dia
5 de Novembro de 2011, no qual também participou o Ministro da Saúde de Angola, S.E. Dr. José
Viera Dias Van Dunem.
Além disso, o CUAMM encontra-se particularmente empenhado em sinergias com o MINSA e graças às
contribuições do Fundo global, no tratamento de tuberculose, bem como no diagnóstico da doença, na
colheita e análise de dados epidemiológicos e distribuição de medicamentos.
A ONG italiana VIS abriu um abrigo para crianças de rua na periferia
de Luanda
Foi inaugurado no dia 8 de
Dezembro
de
2011,
no
Bairrio da Mota, Luanda, a
reestruturada
Casa da
Família "Michele Magone."
O projeto da ONG VIS "O
Caminho
para
a
vida
Fortalecimento da Rede de
Protecção
Social de
Crianças e
mais
Adolescentes
vulneráveis
e
marginalizados de Luanda "
é fruto do co-financiamento da União Europeia e do Ministério dos Negócios Estrangeiros italiano,
que alocou 620.000 euros. Vivem na estrutura 23 rapazes. Participaram ao evento, além do Embaixador
da Itália, S.E. Giuseppe Mistretta, representantes da União Europeia, da UNICEF, do Instituto
Nacional da Criança (INAC) e representantes dos Salesianos de Dom Bosco.
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
5
Novo centro médico construído pela organização sem fins lucrativos
A.M.E.N.
No passado mês de novembro de 2011, foi inaugurado um novo centro médico italiano sem fins
lucrativos localizado em Cacuaco (50 Km de Luanda), na presença das Autoridades sanitárias
angolanas e do Embaixador da Itália. A organização sem fins lucrativos A.M.E.N., há muito tempo activa
no sector da educação primária e secundária, alargou as suas actividades ao campo da saúde, com a
criação deste novo centro de saúde, que se destina principalmente à assistência sanitária dos
studantes, respectivos familiares e a toda comunidade local. O Centro é dotado de uma ambulância que
chegou recentemente da Itália.
As actividades da ONG AMEN, contaram até agora quase exclusivamente com o apoio financeiro de
doadores privados, enquanto que recentemente alguns fundos foram obtidos de organismos
internacionais, em particular do Fundo Global para a luta contra a SIDA, tuberculose e malária.
A AMEN já oferece a educação primária a cerca de 500 crianças na zona de Cacuaco e recebe cerca de
350.000 dólares do PNUD para as suas actividades educativas.
Cultura italiana em Luanda
Para comemorar os 150 anos da unificação da Itália, a Embaixada
da Itália em Angola, organizou no passado mês de novembro uma
resenha cultural que teve nas noites de música italiana, os
momentos de maior participação.Para além do grande sucesso do
concerto do
cantor
pop
Niccolo Fabi
que
mais
uma
vez
confirmou a sua relação especial com Angola, em particular com a
ONG italiana CUAMM, da qual o cantor é um importante “Fund
raiser”
para
a
reestruturação
do Pavilhão
Pediatrico
do
Hospital do Chiulo (Cunene), no dia 16 de novembro, em Luanda, no
Teatro Nacional, foi a vez da soprano Felicia Bongiovanni (foto)
protagonista de uma noite dedicada à ópera italiana. A soprano
interpretou
famosas
obras
de
Puccini,
Verdi,
Rossini
e
Mascagni
e
as
mais
célebres
canções napolitanas, perante a uma plateia de 500 pessoas, angolanas e estrangeiras.
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
6
Em
Outubro foi realizado
em Luanda,
um
concerto
de
jazz
do
grupo
"Tinissima
Quartet".
Os avultados fundos necessários para organizar os citados eventos, foram recolhidos através de
generosos patrocínios de empresas italianas e estrangeiras que operam em Angola
Próxima abertura de um novo restaurante italiano na capital
O já vasto panorama gastronómico de Luanda será brevemente enriquecido com a inauguração de
um novo restaurante italiano, o "Vitruvius" dentro do Epic Sana Hotel, no centro da cidade. Esta, é
mais uma confirmação da paixão da comunidade local e residente pela cozinha do nosso país. O
Vitruvius será o segundo restaurante italiano na capital angolana, depois do histórico “Don Castellana” e
as numerosas pizzarias já existentes.
N.1 – Newsletter bimestral da Embaixada de Itália em Angola
Fevereiro
2012
7

Documentos relacionados

ANGOLANDO N.2

ANGOLANDO N.2 apoio à agricultura e preservação da terra. Também está próximo o início de um projecto para o desenvolvimento da pesca artesanal no Namibe, financiado pela Cooperação Japonesa, em colaboração com ...

Leia mais

ANGOLANDO

ANGOLANDO evocar a atenção sobre crianças mais remontas e mais pobres. São 2000, entre crianças, jovens e adolescentes a frequentar treinos de basquetebol, futebol e capoeira e voleibol do centro da Lixeira....

Leia mais

ANGOLANDO

ANGOLANDO Presidente da Comissão Externa, Stefani. Também teve dois grandes encontros (um no Ministério dos Negócios Estrangeiros e outro na sede da Assafrica) com empresários italianos interessados ou já op...

Leia mais

ANGOLANDO

ANGOLANDO jovens angolanos, muitas pessoas da nossa comunidade e diversos estrangeiros, bem como membros do Corpo Diplomático. O Grupo italiano apresentou os seus melhores sucessos com numerosas improvisaçõe...

Leia mais

Novo Jornal 296 – Economia

Novo Jornal 296 – Economia está disponível a devolver estes valores, acrescidos da taxa de juro legal praticada no mercado”, explicou Paulo Cascão, administrador da Delta Imobiliária, parceira da Sonangol Imobiliário e Propr...

Leia mais

O Monitor de Angola

O Monitor de Angola rejeita certas ações promovidas pelo estado, como campanhas de vacinação, o censo nacional e a educação pública. O presidente José Eduardo dos Santos classificou a seita como “uma ameaça à paz e un...

Leia mais